Skip to content

Chilling Adventures of Sabrina: bruxaria e um pouquinho de feminismo, sim!

Os dogmas do satanismo e sua celebração baseada nas tendências humanas naturais, como ganância, luxúria e vingança, desempenham um papel que chega a ser desconfortavelmente importante na nova série do Netflix, que estreou finalmente nesse dia 25 de outubro (esperei o ano todo, Praise, Satan!): Chilling Adventures of Sabrina, traduzido para o português como O Mundo Sombrio de Sabrina.

Sabrina Spellman, representada pela atriz Kiernan Shipka, é meio-bruxa, metade-mortal que está prestes a completar 16 anos, e deve lutar para decidir onde ela realmente pertence. Para quem não sabe, a série foi baseada em quadrinhos escritos por Roberto Aguirre-Sacasa e ilustrados por Robert Hack.

Sabrina foi criada pelo escritor George Gladir e pelo artista Dan DeCarlo, e apareceu pela primeira vez no Archie’s Mad House #22 em outubro de 1962.

Seus pais – seu pai era um Sumo Sacerdote da Igreja da Noite e sua mãe era uma “mortal” – morreram em um acidente, por circunstâncias misteriosas e foram perseguidos durante suas vidas por terem entrado em tal relacionamento, considerado proibido pela Lei dos Bruxos. Sabrina, então, foi enviada para viver com suas duas tias Zelda e Hilda – elas são personalidades opostas e quase igualmente devotas ao Deus das Trevas – e seu tio Ambrose, e convive com suas amigas-mortais na Baxter High, onde ela mora como uma adolescente americana regular. Confirmar sua fidelidade ao Lorde das Trevas significaria abandonar sua escola e matricular-se na Academia de Artes Ocultas. Lá, Sabrina aprenderá a usar seus poderes como uma bruxa, e convenhamos que seria de se esperar que ela desse as costas ao seu lado mortal, de uma vez por todas!

Sabrina é meio bruxa e meio humana e no seu 16º aniversário, espera-se que ela participe de uma espécie de cerimônia de comunhão profana e prometa sua eterna lealdade ao Lorde das Trevas.

Este dilema moral – que você tem que escolher deixar de lado todo seu passado em troca de um futuro incerto, em um esforço para encontrar sua verdadeira identidade – é o conflito da série. Lembrando o fato de que Harry Potter não podia esperar para colocar seu passado trouxa atrás dele, Sabrina está tendo mais dificuldade em se decidir. Uma diferença fundamental seria o fato de que no mundo mágico de Harry, ele se sentiu amado pela primeira vez, mas Sabrina teve uma infância bastante confortável e “mortal”.

Salem, o gato mais lindo do mundo está de volta!

Em um clipe de preview, Sabrina ouve uma voz assustadora sussurrando seu nome. “Eu ouvi você chamando na floresta… E eu vim”, a voz assustadora diz, quando vemos uma figura demoníaca subindo pelas paredes.

No entanto, ele se transforma em um adorável gato preto ronronando, que Sabrina pega e abraça. Só não acho que esse vai ser o mesmo gato que se apresenta como mulher em salas de bate-papo online por atenção. Ainda assim, é bom ver Salem de volta, demoníaco ou não!

Segunda temporada, por favor!

A melhor de todas as notícias é que já estão filmando a segunda temporada! Depois de falar com a atriz de Sabrina, Kiernan Shipka, a Bloody Disgusting descobriu que a Netflix não estava perdendo tempo com a filmagem da 2ª temporada do show. Kiernan comentou:

“Nós fomos direto para a segunda temporada e tem sido realmente divertido filmar, especialmente considerando o fato de que eu sinto que já estamos em um ritmo tão bom saindo da primeira temporada e ir direto para a segunda está sendo muito, muito divertido e essa é uma ótima oportunidade para manter o ritmo. Sabrina definitivamente muda e muda muito. Seu crescimento é muito evidente e a segunda temporada definitivamente tem um giro diferente do que na primeira temporada. Elas [as duas temporadas] são muito diferentes uma da outra”.

Muitas dessas diferenças serão aparentes quando você terminar a primeira temporada.

“Eu diria apenas que, sem dar muita atenção, porque seria um pouco spoiler, o modo como a vida de Sabrina toma certas curvas e certas decisões que ela toma na segunda temporada.” (…) “O final da primeira temporada configura muito. Vai em uma direção diferente. Nós vemos mais personagens diferentes. Ele lida com um lado diferente das coisas”.

Crossover com Riverdale

Para quem não sabe, a Chilling Adventures of Sabrina foi planejada como um complemento para a série Riverdale da CW, já que ambos pertencem ao universo da Archie Comics, são criações do mesmo autor e compartilham Lee Toland Kreiger, como diretor principal. Em determinado momento, Sabrina e suas amigas até fazem uma ligeira referência à escola secundária de Riverdale, e aparece um personagem também em comum!

Você também encontra Riverdale no Netflix!

Podemos dizer que existe certamente muita coesão tonal e visual nos dois shows, que apresentam a mesma cinematografia, o design de produção retrô e o drama adolescente. No entanto, pelo menos para mim, Sabrina é facilmente o mais surpreendente dos dois, enquanto o conceito central de Riverdale é um mistério de assassinato adolescente, Sabrina tem mais em comum com os filmes de terror satânicos dos anos 70. Para um show voltado para adolescentes, com adolescentes, ele tem uma raia impressionantemente cinematográfica – os fãs de terror podem ver vários hat-tips em seus filmes favoritos!

E aí, quem é esse easter egg?

A série está disponível na Netflix desde o dia 25 de outubro! Ansiosas para a próxima temporada?

Trailer oficial para quem quer sentir o gostinho!

Comentários

Be First to Comment

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *